Jejum intermitente: o que é e os (supostos) benefícios da dieta 6.1 seguida por Chris Martin, do Coldplay

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Coldplay fez um dos melhores show na edição do Rock in Rio 2022, sendo aclamado também pelo carisma do seu vocalista Chris Martin. Vamos aproveitar e conhecer seus hábitos alimentares particulares.

Anos atrás o cantor deu a conhecer que, após uma doença, passou a seguir a dieta do jejum intermitente, mais precisamente a dieta 6.1. Esta dieta é muito semelhante à dieta 5.2 que já falamos, a única diferença é que os dias de jejum não são dois, mas apenas um.

Na prática, o cantor segue regularmente uma dieta saudável e faz jogging, mas um dia por semana jejua, bebendo apenas água. 

O objetivo é desintoxicar e não perder peso, como o próprio Chris Martin afirmou, que também garante ter experimentado outros benefícios inesperados após a dieta 6.1: ele se sente mais criativo e sua voz melhorou.

Como ele disse durante uma entrevista com uma estação de rádio americana, Fresh 102.7, em referência ao jejum intermitente:

A criatividade é uma de suas vantagens. Eu comecei a fazer isso porque eu fiquei doente uma vez, e um cara me disse: ‘Tente não comer por um dia, vai fazer você se sentir mais saudável’. E eu realmente fiz e descobri que podia cantar um pouco melhor e, além disso, me senti muito grata pela comida… e muito grata por tudo. Eu acho que esse sentimento de gratidão e coisas assim naturalmente trazem um sentimento de alegria, e mesmo quando você está com fome você está muito focado, então acho que ajuda na criatividade.

Embora a dieta 6:1 exija seis dias de alimentação saudável e um dia de jejum, Chris admitiu que nem sempre se apega a alimentos saudáveis, mas muitas vezes “exagera” com chocolate e creme de avelã.

Mas o jejum intermitente realmente oferece algum benefício? As opiniões sobre este assunto são muito conflitantes. Alguns estudos a aprovam, outros a “rejeitam” e  até o US News & World Report, que compilou o ranking das  melhores dietas de 2022 , também estabeleceu quais são as piores e entre elas incluiu o jejum intermitente.

Como sempre, é provável que a verdade esteja em algum lugar no meio: em alguns casos e para algumas pessoas, o jejum intermitente pode ser uma boa solução para perder peso e ganhar saúde, para outros não é recomendado.

É sempre melhor pedir uma opinião ao seu médico e nutricionista de confiança, para evitar correr os riscos do “faça você mesmo”.

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest