Jejum intermitente não é útil para perda de peso e pode causar perda de massa muscular, confirma estudo

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Quando se trata de perder peso, o jejum intermitente pode não ser mais eficaz do que simplesmente reduzir o total de calorias diárias.

Já falamos várias vezes sobre o jejum intermitente. Trata-se de limitar os lanches e as refeições a um determinado período do dia, o que, de acordo com diversas pesquisas científicas, pode trazer diversos benefícios à saúde.

Mas, quanto à perda de peso, um novo estudo publicado na Science Translational Medicine sugere que essa prática não é mais eficaz do que simplesmente reduzir as calorias diárias e consumi-las em horários não especificados.

Mas isso não é tudo. O jejum intermitente pode até ser prejudicial para a massa muscular.

Os autores do estudo amostraram 36 participantes divididos em 3 grupos. O primeiro simplesmente reduziu as calorias diárias em 25%, os outros dois jejuaram em dias alternados, com um grupo após um dia de jejum comendo 50% mais do que o normal e o outro grupo comendo 100% mais.

Na conclusão do estudo, três semanas depois, o último grupo não apresentou perda de peso, enquanto o primeiro grupo e o grupo de 50% haviam perdido aproximadamente a mesma quantidade de peso, mas com diferenças significativas. Aqueles que jejuaram e depois comeram 50% mais, perderam muito mais massa muscular do que aqueles que não jejuaram.

Por esta razão, qualquer pessoa que queira fazer jejum intermitente deve ter em mente que pode precisar de mais exercícios para manter a massa muscular”, disse o autor principal James Betts, Ph.D., codiretor do Centro de nutrição, exercícios e metabolismo na University of Bath, no Reino Unido.

No entanto, este é um estudo muito pequeno e também tem outra limitação: a de não ter homens e mulheres bem diferenciados que costumam ter um metabolismo diferente.

No entanto, um estudo anterior conduzido por uma equipe da Universidade da Califórnia em São Francisco (UCSF) já havia chegado às mesmas conclusões.

É claro que a eficácia de uma prática como a do jejum intermitente também dependerá da qualidade e da quantidade dos alimentos. Se você consumir alimentos com alto teor calórico durante o intervalo de tempo permitido para comer, os benefícios do jejum para a perda de peso diminuem.

A premissa do jejum intermitente é de fato que você deve comer alimentos saudáveis ​​e nutritivos e em quantidades normais.

Se o nosso objetivo é perder peso, contar com um especialista é sempre a melhor forma de obter os melhores resultados.

Fonte: Science Translational Medicine

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Jornalista freelance, nascida em 1977, formada com honras em Ciência Política, possui mestrado em Responsabilidade Corporativa e Ética e também em Edição e Revisão.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest