Para reduzir desperdício, projeto ‘Fruta Imperfeita’ vende frutas e legumes fora do padrão estético

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Se todos nós temos cores, corpos, alturas e pesos diferentes por que precisamos que os produtos da natureza sigam sempre um padrão estético?

Cenouras brancas, pepinos tortinhos, melancias pequenas… esses são exemplos de ‘imperfeitos’: frutas e legumes que, embora frescos e nutritivos, não encaixam no padrão estético estabelecido pelo mercado e, por isso, muitas vezes acabam indo parar no lixo. São eles que compõem a cesta entregue pela Fruta Imperfeita, serviço de delivery criado por Roberto Matsuda no final de 2015.

O Projeto Fruta Imperfeita tem o propósito de diminuir o desperdício de alimentos por meio da disseminação do consumo consciente atuando como agente de conexão entre os produtores e consumidores. Em alguns supermercados o desconto nesses produtos chegam a 20% ou mais.

“Não é que essas frutas e legumes estejam estragados, eles apenas têm tamanhos, cores e formatos diferentes”, explica Matsuda.

Assim como nós podemos ser diferentes e perfeitos em nossa imperfeição, por que exigir um padrão estético? Nós mesmos estamos nos dando conta de que a diversidade é o mais saudável. Então, aproveite, e chega de desperdício!

Fonte: msn / Fruta imperfeita

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Nascida e criada em São Paulo, é publicitária formada pela Faculdade Cásper Líbero e Master em Programação Neurolinguística. Trabalha como redatora publicitária, redatora de conteúdo e tradutora de inglês e espanhol. Apaixonada por animais e viagens, morou no Canadá e no Uruguai, e não dispensa uma oportunidade de conhecer novos lugares e culturas.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest