Apocalipse de fogo na Califórnia: os incêndios voltam, e 100 mil pessoas são evacuadas

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Cerca de 100.000 pessoas foram forçadas a fugir de suas casas na Califórnia devido a novos incêndios que estão devastando Orange County. O terror voltou aos EUA, ou talvez nunca tenha ido embora. Desde agosto as chamas estão devorando milhões de hectares de floresta.

Os incêndios continuam a se espalhar no sul da Califórnia, em parte devido aos fortes ventos do interior e ao ar seco, forçando quase 100.000 pessoas a fugir de suas casas rapidamente. Os dois principais incêndios em curso e que causaram as evacuações em massa são o incêndio Silverado, em Irvine e o incêndio Blue Ridge, em Yorba Linda.

As autoridades locais emitiram o alerta vermelho para todo o estado, dadas as condições críticas. Quase um milhão de californianos ficaram sem eletricidade ontem pela manhã devido aos cortes de energia para reduzir o risco de iniciar outros grandes incêndios. Alguns também foram causados ​​pelo vento que derrubou árvores e linhas de energia.

Dois jovens bombeiros ficaram gravemente feridos na segunda-feira enquanto lutavam contra o incêndio em Silverado, de acordo com o Orange County Fire Authority. Em poucas horas, as chamas queimaram quase 45.000 hectares de floresta, e apenas 5% foi contido. Já o Blue Ridge Fire, cresceu significativamente na terça-feira, queimando cerca de 6.000 acres e danificando 10 casas em Yorba Linda. No entanto, esses são números provisórios e em constante evolução.

Também é culpa de ventos fortes

Infelizmente, a situação ainda é crítica, pois os ventos ainda estão fortes e favorecendo uma rápida propagação do fogo. Os ventos extremos nesta semana tornaram as condições na área de Los Angeles ainda mais perigosas do que estavam em outubro de 2019, de acordo com meteorologistas do Serviço Meteorológico Nacional.

Os fortes ventos secos dos últimos dois dias provavelmente não teriam gerado um cenário de alto risco se a Califórnia tivesse recebido água da chuva durante o mês de outubro, mas infelizmente não chove no estado há meses, criando condições ideais para incêndios.7

Grande parte do norte da Califórnia continua a sofrer de secas severas a extremas e isso também é agravado pelo calor recorde. Os meses de agosto e setembro foram classificados como os mais quentes do estado desde o início dos registros, em 1895.

 Confira as fotos e vídeos dos incêndios

A Califórnia está no meio de sua pior temporada de incêndios já registrada, com mais de 1,6 milhão de acres queimados, mais que o dobro do ano passado. Além disso, pelo menos 9.200 estruturas foram destruídas e 31 pessoas mortas. Cinco dos seis primeiros maiores incêndios já registrados no estado ocorreram nesta temporada, incluindo o maior, o August Complex.

Definitivamente, uma temporada para esquecer.

Fontes: National Weather Service, Twitter / cal_fire , California Department of Forest and Fire Protection , Fire.ca

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Jornalista freelance com especialização em editoração, comunicação, multimídia e jornalismo. Em 2011 ganhou o prêmio Dear Director e em 2013 recebeu o prêmio Jounalists in the Grass, devido à sua entrevista com Luca Parmitano.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest