Após Bahia, agora o Sudeste também foi afetado por fortes chuvas no fim de semana

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

A região Sudeste começou a sofrer com chuva extrema, e agora deve ter inundações e deslizamentos a exemplo do que ocorreu na Bahia, e que deixou mais de 16 mil desabrigados e quase 30 mortos.  Segundo o boletim publicado pela MetSul, o corredor de umidade que atingiu a Bahia vai recuar para o Sul e trazer chuva excessiva com possíveis situações de desastres no Sudeste nos próximos dias.

Ainda de acordo com a MetSul, o estado com maior risco é o de Minas Gerais, com projeções que apontam um acumulado de 300 mm a 500 mm de chuvas em algumas localidades nos próximos 15 dias.
Minas Gerais, Rio de Janeiro e de São Paulo também devem continuar sofrendo com a chuva excessiva. Segundo o boletim, “volumes tão altos esboçam um cenário de novas situações de emergência e calamidade por chuva no começo do ano” nestes estados.
São Paulo já entrou em estado de atenção na quinta-feira, dia 30, por causa das chuvas, que continuaram pesadas no fim de semana. O litoral norte do estado também foi bem atingido, com alagamentos em vários pontos.
Para essa semana, a previsão continua sendo de chuvas intensas todos os dias na Grande São Paulo.

A Secretaria da Segurança Pública orientou os Comandos dos Bombeiros a posicionar viaturas em locais com previsão de tempestades e risco iminente de deslizamentos ou enchentes. Já o Comando de Aviação da Polícia Militar está de prontidão com 30 aeronaves para salvamentos em todas as regiões do estado.

A Defesa Civil também mantém a campanha permanente SPAlerta com recomendações sobre o que a população deve fazer antes, durante e depois de chuvas extremas.

Há ainda oito planos preventivos que abrangem os 177 municípios paulistas mais vulneráveis, sendo um específico para inundações (Vale do Ribeira) e sete para escorregamentos (Região Metropolitana de São Paulo, Vale do Ribeira, Baixada Santista, Vale do Paraíba e Serra da Mantiqueira, Região de Campinas, Região de Sorocaba e Região de Itapeva).

Os chamados de emergência em casos de desastres naturais podem ser feitos pelos telefones 190 (Polícia Militar), 193 (Bombeiros) e 199 (Defesa Civil). A Defesa Civil também emite alertas por mensagens de texto. Para se cadastrar, basta enviar um SMS contendo o CEP de interesse para o número 40199. O serviço é gratuito.

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Nascida e criada em São Paulo, é publicitária formada pela Faculdade Cásper Líbero e Master em Programação Neurolinguística. Trabalha como redatora publicitária, redatora de conteúdo e tradutora de inglês e espanhol. Apaixonada por animais e viagens, morou no Canadá e no Uruguai, e não dispensa uma oportunidade de conhecer novos lugares e culturas.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest