Um pinheiro derrubado para ser árvore de Natal era a casa de uma coruja que foi milagrosamente encontrada viva a 300 km de distância

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Um verdadeiro milagre ela ainda estar viva. Uma coruja foi encontrada no pinheiro que se tornará a árvore de Natal do Rockefeller Center, que foi cortada em Nova York e carregada por centenas de quilômetros. Por todo esse tempo, o animal permaneceu lá. Felizmente, ele foi resgatado por um voluntário do Centro de Vida Selvagem de Ravensbeard, onde já começou a reabilitação para voltar à vida selvagem.

Em pleno 2020, as árvores ainda estão sendo cortadas para serem transformadas em enfeites de Natal, e isso por si só já é uma notícia. A segunda é que, mais uma vez, a mão do homem consegue trazer desequilíbrio à natureza. Sim, porque este majestoso pinheiro que agora domina o Rockefeller Center foi o lar desta coruja acádia e provavelmente de outros animais selvagens. Enquanto o pinheiro estava sendo abatido em Oneonta, a coruja permaneceu ali sem saber o que iria acontecer em breve.

A árvore foi carregada em um caminhão e percorreu quase 300 quilômetros. Chegando ao destino, durante a assembleia, uma voluntária do Ravensbeard Wildlife Center percebeu que o bichinho estava ali com medo entre os galhos. O animal foi levado para o centro de reabilitação, onde os especialistas o identificaram: não é um filhote como se poderia pensar pelo seu tamanho, mas uma coruja adulta (Aegolius acadicus) também chamada de coruja do norte, por ser nativa da América do Norte. Entre as características está a aparência: pesa 100 gramas e tem apenas 20 centímetros, por isso pode ser confundida com um cachorrinho.

 

Visualizza questo post su Instagram

 

Un post condiviso da Rockefeller Center (@rockefellercenter)

A coruja não comia nem bebia há dias e estava quase morrendo. Renomeada como Rockefeller, agora começou seu caminho de recuperação e parece estar reagindo bem. Quando estiver em ótimas condições, finalmente poderá se mover livremente entre suas árvores.

Fonte: Ravensbeard Wildlife Center

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Nascida e criada em São Paulo, é publicitária formada pela Faculdade Cásper Líbero e Master em Programação Neurolinguística. Trabalha como redatora publicitária, redatora de conteúdo e tradutora de inglês e espanhol. Apaixonada por animais e viagens, morou no Canadá e no Uruguai, e não dispensa uma oportunidade de conhecer novos lugares e culturas.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest