O caranguejo eremita que usa o plástico como casa é a imagem do fracasso de nossa sociedade

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

É uma das fotos premiadas pelo Ocean Photography Awards 2020, mas não gostamos nada dela. Nada contra a precisão nos detalhes, a luz e o momento captado pelo autor. O conteúdo que é um soco no estômago.

Embora o primeiro prêmio tenha sido ganho pelas belas arraias da fotógrafa canadense Nadia Aly , houve seis categorias de prêmios. Entre eles está o de Fotógrafo do Ano em Conservação do Oceano. O primeiro prêmio neste caso foi o Eremita de Matthew Sharp, imortalizado rastejando em uma pilha de plástico em uma concha feita de resíduos artificiais.

Uma imagem que vem de um dos lugares que pelo menos na imaginação deveria ser paradisíaco: as Maldivas. Infelizmente, não foi isso que outras imagens do Caribe revelaram.

O prêmio foi concebido no início de 2020 pela Princess Yachts, o maior fabricante de iates do Reino Unido. Em conjunto com a Oceanographic Magazine e a organização sem fins lucrativos SeaLegacy, tem como meta envolver um bilhão de pessoas na proteção do oceano e na descoberta das belezas marinhas.

O júri, composto por sete membros do mundialmente conhecido coletivo SeaLegacy, incluindo o aclamado fotógrafo canadense de vida selvagem e documentarista Paul Nicklen, o biólogo marinho e premiado fotógrafo Cristina Mittermeier e Shawn Heinrichs, teve que escolher entre mais de 3.000 fotos participantes, mas confrontados com o trabalho de Sharp, não tiveram dúvidas.

E o caranguejo eremita preso no deserto é mais um testemunho dos danos que estamos causando à Terra e aos animais que a povoam.

“Na Princess, acreditamos verdadeiramente que o Ocean Photography Awards crescerá e será reconhecido não apenas como um prêmio para fotógrafos de todo o mundo, mas também, e talvez mais importante, por manter a conservação de nossos oceanos e da vida aquática em primeiro lugar. O oceano é verdadeiramente nosso playground e os esforços coletivos para manter sua saúde e bem-estar podem ser estimulados por esses prêmios e as imagens capturadas”, disse Kiran Haslam, Diretor de Marketing da Princess Yachts.

A imagem deve ficar gravada em nossas mentes e nos lembrar, dia após dia, que devemos mudar nossos hábitos de vida, consumo e alimentação para não sermos sufocados, como o caranguejo eremita da foto, em nossos próprios resíduos.

Fontes: Powerboat , Ocean Photography Awards

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Nascida e criada em São Paulo, é publicitária formada pela Faculdade Cásper Líbero e Master em Programação Neurolinguística. Trabalha como redatora publicitária, redatora de conteúdo e tradutora de inglês e espanhol. Apaixonada por animais e viagens, morou no Canadá e no Uruguai, e não dispensa uma oportunidade de conhecer novos lugares e culturas.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest