Dia do Oceano: o massacre silencioso de mais de 20.000 baleias todos os anos pode ser interrompido

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

A associação “Amigo do Mar” lançou uma certificação ‘Whale Safe’ para impedir o massacre de baleias que a cada ano leva à morte de mais de 20.000 espécimes: com alguns truques, as empresas que operam no mar podem fazer muito para salvar essas baleias e cetáceos.

É uma matança silenciosa que a maioria das pessoas desconhece. Todos os anos, até 20.000 baleias morrem em confrontos com navios. A imagem de uma baleia morta amontoada na proa de um navio porta-contêineres simboliza essa tragédia. Porém, na maioria das vezes, seus corpos afundam sem deixar vestígios visíveis como um alerta para a gravidade do fenômeno. Os confrontos entre cetáceos e navios têm se tornado uma ameaça cada vez mais importante para a sobrevivência desses animais: estima-se que as colisões durante a navegação matam até vinte vezes mais baleias do que a polêmica prática de caça a esses cetáceos.

O tráfego marinho aumentou 300% desde 1992, dobrando seu volume a cada dez anos e pressionando todo o habitat natural das baleias, onde os animais vivem e se reproduzem. Pior ainda, os barcos atuais aumentaram sua velocidade, tornando difícil para as baleias saírem de seu caminho a tempo e evitar uma colisão. Infelizmente, o fenômeno afeta todos os mares do mundo. No entanto, 11 áreas de alto risco foram identificadas para colisões entre o Mar Mediterrâneo, Sri Lanka, Patagônia, Panamá e o manto de gelo do Ártico.

massacre-baleia mappa

Credit: Global Whales Ship Strikes Dossier (friendofthesea.org)

Para impedir o massacre, o programa internacional Amigo do Mar (gerido pela Organização Mundial de Sustentabilidade ) criou um verdadeiro ‘certificado’ para a salvação das baleias, para chamar a atenção da opinião pública para este problema, para envolver a indústria do comércio marítimo e assim reduzir as colisões fatais para as baleias. O certificado é entregue a empresas que atendam a determinados critérios, como a implantação de um sistema permanente de câmeras de imagem térmica para interceptar baleias, fazer parte de um sistema de mapeamento online para alertar sobre a presença de baleias em determinada área, reduzindo a velocidade de navegação para evitar o risco de colisão com animais.

As empresas de cruzeiros, operadores de transportes marítimos e frotas de barcos de pesca que adotam estas medidas simples receberão o selo Friend of the Sea Association. Por sua vez, podemos optar por proteger as baleias consultando os operadores certificados pela associação. Só juntos podemos parar o massacre.

Fonte: Dossiê SaveTheWhales

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Após terminar o bacharelado e o mestrado em tradução, tornou-se jornalista ambiental. Ganhou o prêmio jornalístico “Lidia Giordani”.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest