Taxonomia verde: Alemanha votará contra a inclusão da energia nuclear entre as fontes sustentáveis

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Já sabíamos que Berlim não via a energia nuclear como solução para a crise atual. A insistência em manter seu plano de fechar suas três usinas nucleares restantes até o final deste ano, apesar da crise energética causada pelo conflito russo-ucraniano, foi um sinal claro.

O parecer negativo citou incertezas jurídicas e práticas como base da decisão. A licença para o funcionamento das três usinas encerradas em 31 de dezembro não poderia ser reativada de “maneira legalmente certa”, explicaram os ministérios em comunicado.

Mas agora há muito mais. A Alemanha votará contra o regulamento que classifica a energia nuclear e do gás como atividades sustentáveis ​​e verdes.

Estamos falando da já famosa questão da taxonomia verde, que também poderia ver a energia do átomo inserida entre as atividades “amigas do meio ambiente”.

O governo federal já manifestou sua oposição muito forte.

“Esse ‘não’ é um importante sinal político que esclarece: a energia nuclear não é sustentável e, portanto, não deve fazer parte da taxonomia. Como resultado, o governo federal votaria no Conselho para se opor ao ato legal delegado da Comissão Europeia”, disse o Ministério do Meio Ambiente alemão em comunicado.

O governo federal também se opõe a novos conceitos de reatores, como os Small Modular Reators (SMR), como os considerados na Grã-Bretanha e na França.

Há, portanto, uma probabilidade concreta de que a disposição seja rejeitada.

A posição da Alemanha pode orientar a opinião no Parlamento Europeu, onde a maioria dos 705 legisladores da assembléia pode bloquear planos de gás e nuclear em uma votação em julho.

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Após terminar o bacharelado e o mestrado em tradução, tornou-se jornalista ambiental. Ganhou o prêmio jornalístico “Lidia Giordani”.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest