Yalitza Aparicio: a heroica atriz mexicana que luta pelos nativos e que poderá interpretar Pocahontas

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Ainda não podemos falar com certeza, porque, nem atriz nem a Disney confirmaram oficialmente, mas Yalitza Aparicio, que há algum tempo vem dando voz às tribos indígenas, está cotada para interpretar Pocahontas no próximo live action da Disney.

Listada em 2019 pela Time como uma das 100 personalidades mais influentes do mundo, a atriz Yalitza Aparicio, a única artista mexicana indicada ao Oscar por anos, luta contra a discriminação e o ódio aos povos indígenas, cada vez mais sob ataque por causa das suas cobiçadas terras ancestrais.

Embaixadora da Unesco para os povos indígenas, Yalitza Aparicio pode ser uma Pocahontas moderna. Na verdade, ela compartilha determinação, coragem e espírito de luta com a heroína da Disney. Enquanto a personagem do desenho animado luta contra o colonialismo, a atriz reafirma seu compromisso contra o ódio racial e pelos direitos das mulheres.

Nascida em 1993 em Tlaxiaco, no estado de Oaxaca, no sul do México, nós pudemos admirá-la no filme Roma, quando interpretou uma babá indígena falante de mixteca, a língua de sua família paterna.

Atriz por acaso, com sua graça Yalitza Aparicio, de alguma forma, dá destaque às mulheres indígenas, tirando-as de sua invisibilidade, encarna ideais de orgulho e brilha com sua própria luz. No passado de sua tribo existem histórias de colonialismo e sangue. Sua história se confunde com a de Pocahontas, que realmente existiu.

View this post on Instagram

@dior @mariagraziachiuri #DiorTulum

A post shared by Yalitza Aparicio Martínez (@yalitzaapariciomtz) on

Pocahontas, filha do chefe tribal Powhatan, foi sequestrada por colonos e levada para a Inglaterra como um símbolo da civilização nativa. Nascida por volta de 1595, seu nome verdadeiro era Matoaka, que significa “Rio brilhante entre duas montanhas”, embora fosse chamada de Pocahontas (“espírito brincalhão”) por sua alma viva. Apesar de ter morrido muito jovem, a história nos conta que ela foi uma mulher valente e forte que garantiu a paz para seu povo por anos.

E Yalitza Aparicio, à sua maneira, continua lutando contra os insultos racistas e defendendo seu povo.

Fonte: Publimetro

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Jornalista profissional, possui graduação em Ciência Política e máster em Comunicação Política. Se preocupa especialmente com temas sociais e direitos dos animais.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest