25 maneiras de tomar café: como variar a bebida mais amada do Brasil

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

O bom e popular cafezinho é a bebida mais popular do Brasil.

O café faz parte da cultura brasileira e de norte a sul ele nos acompanha a qualquer hora do dia. O Brasil é um dos maiores exportadores de café do mundo e, internamente, a bebida também faz sucesso. Mesmo no verão dos trópicos, ninguém dispensa um bom cafezinho.

Existem diversos tipos de grãos e torras de café, variando o sabor e o aroma da bebida. Nos dias mais quentes – ou mesmo nos mais frios – é possível variar o já delicioso cafezinho. Confira, a seguir, como melhorar o que já é bom com 25 maneiras diferentes de degustar o café:

Brasileiro sem açúcar

O brasileiro é o café mais tradicional e mais bebido no país. É o famoso cafezinho. Pode ser adoçado durante o preparo ou após servido. Mas o melhor mesmo é tomá-lo puro, para ser apreciado apenas o sabor do café.

Suave americano

Um dos mais populares que há, o americano é aquele café feito com mais água quente, cuja quantidade é variável de acordo com o paladar. Para quem prefere um sabor mais suave, o americano é um ótima pedida.

Encorpado espresso

Muito popular na Itália, o café espresso é encorpado e tem um sabor marcante. Para fazê-lo em casa, é preciso ter uma máquina específica, cujo preço já está mais acessível atualmente. Vale a pena o investimento para quem é amante da bebida.

Macchiato italiano

Também muito popular na Itália, aqui no Brasil é conhecido como pingado. É o bom e velho café com um pingo (macchia – mancha) de leite. A diferença é que no macchiato o café é feito na máquina de espresso. A palavra macchiato significa manchado.

Pingado brasileiro

É o café com leite cujo café é coado. Tradicional em qualquer padaria brasileira, não há segredo no seu modo de preparo: basta apenas colocar um pingo de leite sobre o café.

Média

Como cantava o bom Noel Rosa “Seu garçom, faça o favor de me trazer depressa uma boa média que não seja requentada”. É o clássico de botequins e padarias conhecido no exterior como Café Latte. Nada mais é do que um café espresso ou coado com leite vaporizado (na máquina) e uma fina camada de espuma. Com uma textura menos densa que o cappuccino, alguns também o conhecem como “cortado”.

Café com leite

O que dizer desse que é o café mais tomado nos lanches da tarde? Trata-se de café filtrado com leite, simples, aquecido que recebe uma fina camada de leite espumante por cima.

Cappuccino

Deliciosamente saboroso, essa bebida italiana é feita com café espresso e leite. A receita básica é: 1/3 de expresso, 1/3 de leite vaporizado e 1/3 de espuma de leite. Você pode polvilhar cacau em pó e/ou canela por cima.

Café breve

É um café feito com creme, infelizmente, difícil de ser encontrado nos bares e padarias do Brasil. Mas a sua receita é bastante simples: 50% café espresso e 50% creme.

Mocha – Mocaccino

É praticamente uma sobremesa! Feito com café espresso, leite vaporizado, espuma de leite e calda de chocolate. Também é conhecido como Mocaccino.

Irlandês – Irish Coffee

Para quem prefere uma bebida mais forte, ou quer despertar na noite que está começando, o café irlandês leva uma dose de uísque com uma camada de creme ou chantilly.

Hawaiano – sabor tropical

Já quem prefere um sabor marcante e suave, o hawaiano leva leite de coco em seu preparo. Para aqueles dias mais quentes, é uma bebida bem refrescante. Pode ser adicionado gelo.

Café tailandês

É uma bebida servida gelada, feita da infusão do café moído.

Amaretto

É um café feito com licor Amaretto e creme de leite. Dizem ser um bom digestivo, os italianos o bebem depois do jantar.

Aromático árabe

É um café feito com as especiarias cardamomo e canela. Muito aromática.

Caribenho – um drink!

Para fazer em casa pode não ser muito simples, mas vale a pena o investimento! Ao café bem forte acrescentam-se leite de coco, calda de açúcar, uma dose de rum, licor de café, gelo, creme de leite e meia dose de Martini. Praticamente um drink!

Café com limão

Os italianos amam café e uma das mais diversas formas de se beber café por lá é colocando uma lasca de limão para intensificar o seu sabor. Vamos experimentar?

Vietname

Cà phê é um café gelado ao qual é adicionado gelo e leite condensado. Para quem não é muito chegado a doce, talvez não agrade muito, mas a enorme quantidade de açúcar do leite condensado junto à bebida promete levantar qualquer astral.

Veganos podem colocar leite condensado de coco, que dá para fazer em casa.

Café solo con hielo

Os espanhóis, nos dias quentes, pedem um café solo con hielo, que nada mais é do que café servido com cubos de gelo. Café gelado é sempre uma boa pedida no verão! E você pode simplesmente conservar o café na geladeira em uma garrafa adequada.

Milkshake de café

Uma receitinha rápida: você vai precisar de 3 xícaras de sorvete de creme, 1 xícara de leite integral bem gelado, 6 colheres de licor de café, 1/2 xícara de infusão de café extraforte ou café espresso e calda de chocolate.  Antes de bater os ingredientes no liquidificador, coloque a calda de chocolate nos copos antes de servir a bebida. Voilà! É só degustar!

Café com leite para veganos

Café com leite, café pingado, macchiato, média… tudo pode ser revisto em chave vegana bastando para isso trocar o leite de vaca para leites vegetais: de soja, de aveia, de coco. As opções são muitas, graças às deusas.

Granita de café

Uma coisa que os italianos fazem é aproveitar a sobra de café para fazer granita, dado que eles usam a moka, uma máquina de café muito boa para fazer sempre café fresco, de forma prática. A granita de café nada mais é que café congelado. A dica é congelar o café já adoçado para degustá-lo gelado às colheradas.

Cold Brew

É um café com infusão a frio, ou seja, não usa água quente como nas outras preparações. O método de preparo requer todavia equipamentos especiais e muitas horas de infusão: acima de 50/70 gramas de café moído médio, um litro de água é infundido, graças a um filtro especial, por 8/12 horas, no final dais quais o filtro deve ser removido. O café extraído deve ficar na geladeira e ser consumido em 48 horas. Os coffee lovers já o conhecem de bares e cafeterias especializadas.

Café com sorvete

O macchiato italiano pode ganhar sabor (e umas calorias a mais) se em vez de um pingo de leite se adicionar ao café uma colher de chá de um sorvete qualquer (geralmente de creme, nata ou chocolate). Pode ser servido depois do almoço como mini sobremesa. Que tal?

Café com leite de amêndoas

Uma receita do sul da Itália, o café com leite de amêndoas, servido com cubos de gelo, é a delícia dos bares das mais belas praias da Puglia. O sabor é intenso e refrescante. Dá para fazer em casa, todavia!

Talvez te interesse ler também:

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest