Saiba identificar a idade aproximada de um gato e os cuidados necessários

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Muita vezes, quando adotamos um gato da rua ou de um abrigo, não sabemos se ele é um jovem adulto ou se já está mais idoso. Os veterinários conseguem calcular a idade de cães e gatos mais facilmente e com maior precisão, mas você também pode descobrir a idade aproximada do seu pet.

Saber a idade aproximada é importante para planejar os cuidados e a alimentação do novo membro da sua família, mas lembre-se: sempre leve seu pet ao veterinário, ele poderá orientá-lo sobre a melhor forma de cuidar do seu animalzinho.

Gatos Filhotes

Um gato é considerado filhote desde o seu nascimento e até um ano de vida. Eles são especialmente frágeis e vulneráveis e precisam seguir o calendário de vacinação felino para evitar doenças.

Atente-se para a alimentação, a temperatura ou a gestão do esfíncter. No final desta etapa é quando devemos começar a ensinar ao nosso gato a utilizar o arranhadores e a caixa de areia.

  • Entre um e dez dias de vida: O gato não consegue fazer nada sozinho. Não é capaz de se levantar ou abrir completamente os olhos. Ele depende da mãe ou do cuidador. São muito frágeis e costumam ter um pelo muito espesso e curto.
  • Entre dez dias e um mês de idade: Ele já consegue abrir os olhos e começa a mostrar interesse pelo seu meio envolvente. Ainda é desscordenado mas já começa a socializar.
  • A partir de um mês de idade: Já começa a mostrar comportamentos típicos da idade adulta como caçar, brincar e a fazer sua higiene corporal. Continuará mostrando pouca coordenação nos seus movimentos.
  • Um mês e meio de idade: É nesta fase que os olhos do gato perdem o azul da infância e assumem sua cor definitiva.
  • Entre os dois e três meses de idade: O gato costuma pesar, aproximadamente, entre 800 gramas e 1 kg de peso. Estão praticamente desenvolvidos e experimentam de forma ativa o meio onde vivem.
  • Entre os três e os seis meses de idade: A partir dos três meses o gato começa a mostrar os dentes definitivos, ou seja, muito mais brancos e brilhantes.
  • Entre os seis meses e um ano de idade: O comportamento é de filhote, mas o corpo já começa a alcançar o tamanho adulto.

Gatos adultos

Os gatos adultos são aqueles que se encontram entre um ano e os setes anos de idade. Nesta etapa o gato já superou o processo de socialização e começa a maturidade sexual, que podem envolver a marcação de território e o primeiro cio de uma gata.

O gato adulto, embora possa continuar brincalhão, começa a ter um comportamento mais estável.

  • A partir do primeiro ano de idade: Acontece um ligeiro escurecimento dos dentes e o aparecimento de tártaro. É o momento perfeito para começar a cuidar dos seus dentes.
  • Entre o segundo e o terceiro ano: É habitual que nesta etapa se observe ainda mais tártaro na dentição do gato.
  • Entre o quarto e o sétimo ano: Os dentes começam a se desgastar e a acumulação de tártaro é ainda mais evidente. As gengivas começam a ficar pigmentadas.

Gatos Idosos

Os gatos idosos têm um estilo de vida muito mais relaxado e começam a se acalmar. Mesmo assim, alguns podem parecer muito jovens e ser ativos. Depende muito de cada animal, já que, assim como os humanos, cada um tem uma personalidade e um organismo diferente.  Os gatos idosos passam mais horas dormindo, repousando e costumam começar a sofrer doenças típicas da idade como a perda de visão, problemas renais e dor muscular.

Nessa etapa, intensifique as visitas ao veterinário, já que ele precisará de uma alimentação específica, um lugar confortável onde dormir, entre outros cuidados.

  • Entre os sete e dez anos: O gato começa a ficar mais preguiçoso e a pigmentação do nariz ou das gengivas continue avançando. Também começam a aparecer as primeiras doenças próprias da idade, mas à primeira vista continua sendo um gato adulto normal.
  • Entre os dez e os quinze anos: Nesta etapa a acumulação de tártaro nos dentes do gato é muito evidente. A dentição mostra claramente o passar do tempo. Começam a emagrecer e a perder tonificação muscular. As remelas também começam a aparecer.
  • Entre os quinze e os vinte anos: Além dos problemas de saúde que ele já possa ter,  também vemos os pelos brancos. Eles podem emagrecer ainda mais e sua aparência pode ficar mais desajeitada e descuidada, além de ser comum o crescimento exagerado das unhas.

Em qualquer fase da vida, seu gato dependerá de você para ter os melhores cuidados e poder ter uma velhice mais confortável. Gatos adultos devem ir ao veterinário ao menos uma vez ao ano, quando saudáveis, e gatos idosos necessitam ao menos 2 visitas a cada 6 meses para fazer um check up.

E, claro, complemente os cuidados com muito amor e receberá em dobro.

Fonte: peritoanimal

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Nascida e criada em São Paulo, é publicitária formada pela Faculdade Cásper Líbero e Master em Programação Neurolinguística. Trabalha como redatora publicitária, redatora de conteúdo e tradutora de inglês e espanhol. Apaixonada por animais e viagens, morou no Canadá e no Uruguai, e não dispensa uma oportunidade de conhecer novos lugares e culturas.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest