Johnny Depp brinca com crianças no tapete vermelho e fala de uma espécie a ser salva

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Por mais de duas horas os fans esperaram por ele, mas no final Johnny Depp chegou ao tapete vermelho do Festival de Cinema de Roma e foi perdoado. Ele parou para brincar com as crianças que o esperavam ao vivo, na companhia dos pais, no Auditório Parco della Musica, onde se realiza o festival de cinema.

O ator de Hollywood, atrasado por conta da multidão de admiradores que o bloquearam sob seu hotel, apareceu no festival no último domingo em traje casual, com chapéu preto, bandana e seus icônicos óculos de sol. E antes de posar e entrevistas, ele se divertiu com as crianças presentes, dando a mão a todos e depois agachando-se para brincar com elas, em particular com uma criança muito pequena que cumprimentou com o punho e fazendo um “high five”. Uma cortina tenra e inesperada, que alegrou as crianças e suas famílias.

Não é a primeira vez que Johnny Depp mostra seu amor pelos mais pequenos. No passado, o ator – disfarçado de Jack Sparrow – visitava crianças com câncer na ala pediátrica do centro de câncer do Institut Marie Curie em Paris.

Essa semana Johnny Depp foi para o Festival de Cinema para apresentar “Puffins”, a tão esperada web-serie (spin-off do filme de animação “Ártico – Uma aventura glacial”), na qual empresta sua voz ao protagonista chamado (não surpreendentemente) Johnny Puff.

Entrevistado no tapete vermelho sobre sua relação com as crianças, o ator americano quis dedicar palavras comoventes às gerações mais jovens.

“Eles são puros, eles são pequenas almas puras. Não sei se é para ensinar alguma coisa a eles. Provavelmente, trata-se de torná-lo mais fácil para eles, se possível. Justamente por esse motivo, acho que essas funções são úteis. Gosto do fato de que são projetados precisamente para não precisar de palavras. É sobre fazer você sentir emoções e é lindo ”, disse ele, referindo-se aos personagens da web-série“ Puffins ”.

Para entrar melhor no personagem, o astro de Hollywood teve que inventar uma linguagem feita de sons e vocalizações de animais, praticando muito.

Uma web-série animada sobre uma espécie a ser protegida

Muitas crianças mal podem esperar para assistir à série animada da web “Puffins”. Pena, porém, que os papagaios-do-mar estejam desaparecendo devido aos efeitos nocivos da crise climática. Essas maravilhosas aves migratórias, também conhecidas como fratercules, nidificam nas costas e ilhas do norte da Europa e da América do Norte. Mas, nos últimos anos, as populações desta espécie sofreram um declínio acentuado. Desde 2015, essas aves foram colocadas na lista de espécies vulneráveis ​​da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN).

Esperamos vê-los novamente ao vivo nas próximas décadas (e não apenas por meio de uma tela!)

Fontes: Festival de Cinema de Roma / Facebook

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Graduada em mídia, comunicação digital e jornalismo pela Universidade La Sapienza, ela colaborou com Le guide di Repubblica e com alguns jornais sicilianos. Para a revista Sicilia e Donna, ela tratou principalmente de cultura e entrevistas. Sempre apaixonada pelo mundo do bem-estar e da bio, desde 2020 escreve para a GreenMe.
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest