Aos 85 anos realizou o sonho de ainda jogar vôlei: Ruth entrou em campo na Série B

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Um dos grandes amores de sua vida é o vôlei e, finalmente, após 60 anos da primeira convocação para a seleção brasileira, ele realizou seu sonho. Ela é Ruth Mosimann Hoffmann e aos 85 anos volta a ser uma celebridade do esporte no Brasil: foi protagonista da brincadeira que abriu o jogo entre “seu” time Moda Brusque Volei contra o rival estadual Bluvolei por ocasião do segunda rodada da Superliga B feminina do Brasil.

Dona Ruth foi assim homenageada por sua contribuição ao voleibol brasileiro: jogadora profissional entre as décadas de 1950 e 1970, foi campeã catarinense por 15 vezes. Em 1962 foi convocada para a seleção brasileira, mas não pôde jogar porque estava grávida de sua primeira filha. Ao longo dos anos continuou jogando, também competiu em torneios de Masters e torceu apaixonadamente pelo clube Moda Brusque que decidiu assim homenagear sua contribuição para o voleibol também como um torcedor de destaque.

Sua presença foi boa sorte para o time que venceu a partida. Ruth aproveitou cada momento daqueles poucos minutos em campo:

“Nunca experimentei nada parecido. Foi um misto de alegria, felicidade e gratidão por ter sido homenageado pelo clube”.

Nos últimos anos foram várias as mulheres que surpreenderam o mundo na idade adulta graças à sua vitalidade, às suas paixões nunca adormecidas, à graça e audácia com que enfrentaram desafios para muitos considerados improváveis. Muitos saltaram de paraquedas.

Conhecemos o empreendimento da “vovó voadora” que passou a se chamar Marianna Chiessa que, aos 73 anos, se lançou junto com o neto em 2018. No mesmo ano, a alguma latitude de distância, também a australiana Irene O’Shea que aos 102 entrou para o Guinness Book of World Records com uma empresa criada também para arrecadar fundos para uma associação voltada para o combate à doença do neurônio motor, em memória de sua filha Shelagh, que morreu aos 67 anos. Mais recentemente, em 2020, Iole Usai recebeu o batismo do ar aos 69 anos, lançando-se de cerca de 4 mil metros de altura firmemente enganchado com o instrutor na baía de Tortolì, na Sardenha.

Mulheres incríveis, unidas por uma expressão de felicidade e gratidão pela vida.

Fontes: IG Moda Brusque Volei

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Graduada em Ciências do Patrimônio Cultural, editora web desde 2008 e ilustradora desde 2018, publicou "O sonho no tempo" para a Editore Giochidimagia. Com SpiceLapis ela criou "Memento Mori, um guia ilustrado para os cemitérios mais bizarros do mundo".
Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest