Câncer: conheça a fruta que mostrou ser incrivelmente eficaz contra células cancerígenas

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Uma nova pesquisa mostrou que uma fruta que se acredita ter qualidades medicinais pode retardar a propagação do câncer.

Outros estudos sugerem que pode melhorar o desempenho de terapias tradicionais ou até mesmo matar seletivamente diferentes tipos de células cancerígenas. No entanto, os médicos desaconselham seu uso como terapia preventiva devido à falta de estudos suficientes sobre sua eficácia.

Estamos falando da Graviola, uma fruta nativa das árvores das florestas tropicais da África, América do Sul e Sudeste Asiático, amplamente utilizada em sucos e smoothies,

Esta fruta é rica em vitamina C e antioxidantes conhecidos por melhorar a saúde do nosso sistema imunológico.

Pesquisas mostram, de fato, que fortalece o sistema imunológico, melhorando a capacidade de defesa contra patógenos e favorecendo a destruição de radicais livres.

Alguns estudos descobriram os efeitos da fruta no câncer, sugerindo que pode ajudar a matar seletivamente células malignas.

pesquisa, publicada no Journal of Natural Products , sugeriu que dois compostos extraídos das sementes demonstraram efeitos comparáveis ​​à adriamicina, um medicamento amplamente utilizado em quimioterapia.

Os estudiosos afirmaram que:

Um composto da planta destruiu seletivamente as células cancerígenas do cólon com 10.000 vezes o poder da adriamicina .

Pesquisadores da Universidade de Purdue também descobriram que os extratos de folhas de Graviola eliminaram as células cancerígenas em pelo menos seis tipos de câncer e foram particularmente eficazes contra o câncer de próstata e as células da pancreatite.

O extrato de graviola também parece agir nas células de câncer de cólon e mama, deixando as células saudáveis ​​intactas, o que a quimioterapia não pode fazer.

Outros estudos de laboratório mostraram que os extratos de Graviola podem matar alguns tipos de células cancerígenas do fígado.

No entanto, parece haver uma falta de evidências para apoiar o uso de extrato de frutas para tratar ou prevenir o câncer em humanos. Isso significa que não há informações suficientes sobre a eficácia e segurança da fruta.

Além disso, os efeitos colaterais relatados preocuparam os cientistas, pois algumas pesquisas apontaram que a fruta pode causar alterações nos nervos e distúrbios do movimento.

Assim, sem evidências de sua segurança e eficácia, os especialistas desaconselham seu consumo como tratamento para prevenir o câncer.

Fonte:  Oxford Academic ; NIH ; NIH

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Graduada em Línguas e Civilizações Orientais pela Universidade de Roma La Sapienza. Possui vários anos de experiência em comunicação digital. Apaixonada por beleza, fitness, bem-estar e moda sustentável.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Facebook?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Facebook
Siga no Pinterest